Um site que não é lá.

GC 39 | Bom… Só se for pra você!

E se um dia debatemos sobre aquelas coisas que somente nós gostamos enquanto o restante odeia ou simplesmente ignora, hoje é o dia da desforra!
16
GC 39 | Bom… Só se for pra você!

E se um dia debatemos sobre aquelas coisas que somente nós gostamos (vide aqui) enquanto o restante odeia ou simplesmente ignora, hoje é o dia da desforra! Sim queridos ouvintes se preparem para ter os seus respectivos gostos pessoais agredidos pois os coisos Allan PoLLar, Guizaum, Luiz Sussi e Oliver Perez decidiram falar sobre tudo aquilo que se trata  da preferência sagrada da grande maioria mas que por alguma razão é alvo do nosso desprezo, ódio e indiferença!

Saiba neste cast:

  • Porque arroz com passas é um desperdício;
  • Porque panetone é uma porcaria;
  • Porque Raul Seixas é de péssimo gosto (assim como Cazuza, Legião Urbana e afins);
  • Porque 007 é um espião de bosta;
  • Porque Senhor dos Anéis (assim como Star Wars) não é lá Grande Coisa
  • Porque futebol americano é superestimado (seu paga pau!)
  • E porque Dr. Who é uma merda inimaginável… (sim, é mesmo… Get over it)

Para seguir no Twitter:

Mande e-mails para contato.grandecoisa@gmail.com e contato@grandecoisa.com.br e lembre-se de curtir nossa página no Facebook, nosso canal no Youtube e é claro, assinar o feed do nosso programa.

  • Steve Stamos Nenstow Meiss

    First. Chupa Radsinsky

  • Nem ouvi o cast e já estou sentido as dores do meu coração por Doctor Who, e olha que sou fan da serie.

  • Mariana Lima

    ainda sobre o podcast anterior. Sei q v6 so falaram de series, mas duvido q no episodio de ax /Pistoleiros chamado jump the shark o senhor Oliver não tenha chorado, ao menos de raiva

  • rosemeri

    Ainda ouvindo a leitura de emails só vim me apresentar como a 5ª mulher -do sexo feminino – que ouve vossas senhorias.
    Só não comento (shame on me!) por pura preguiça rsrs

  • Mariana Lima

    Um coisa q muita gente adora e quase morreu qdo ficou fora do é o Whats App………………instalei no meu celular..e poxa nao vejo graça ou utilidade especial nessa coisa

  • Eduardo Saavedra

    O Radsinky nem comentou ainda. Será que ele ficou ofendido com o que já foi citado no post?

    Minha lista de coisas que eu não gosto (P.S: vou agredir na minha análise)

    Comida:
    1) Banana. O gosto é terrível, tudo é horrível. O humano já evoluiu há anos e continua comendo essa comida de símeo. Vai tomar no cu essa fruta;
    2) Cebola. Cara, faz um bom molho, quando misturado com outras coisas? Sim. Mas não consigo gostar do gosto dela, nem quando o prato leva cebola e alguma coisa, como “bife acebolado”.

    Música:
    1) Iron Maiden. O Bruce Dickson tem uma voz que me irrita profundamente e acho que o metal mais melódico dele é um saco. As melodias da banda me irritam e quando o vocalista fica sustentando os vocais (vide Caught Somewhere In Time) é um SACO. Simão, você pode gostar a vontade, mas não consigo concordar contigo;
    2) Megadeth. O Dave Mustaine é um merdeiro, como pude ver como pessoa. Sacanearam ele no Metallica, ao expulso daquele jeito? Sim, mas ele mesmo admitiu que “Pessoas tolas e pessoas violentas não se misturam” e ele mesmo virava uma pessoa ao ficar doidão (N.T: a pergunta é se ele já ficou sóbrio). Para mim, essa banda nunca competiu com Metallica. A sensação que eu tenho é que eles só sabem tocar rápido e, admito, tem umas letras de protesto que são legais, mas parece que é só isso, aos meus ouvidos.
    3) Roberto Carlos. Ele me irrita, mas nem tanto assim. Acho que ele é um cantor mediano no máximo e canta umas músicas chatinhas de doer.

    Filme:
    2001: Odisseia no Espaço. Isso mesmo. Antes de mais nada, Kubrick foi um diretor FODA, mas… Bem. Eu entendo quem gostou do filme, mas ele é MUITO denso. Eu vi, eu li e conversei sobre o filme, mas achei mais legal ler explicações das pessoas do que ver o filme em si. A passada lenta não me cansa, mas ele é complexo demais pro meu cérebro.

    Seriado:
    How I Met Your Mother. Eu vi até a metade da segunda temporada. Mas começou a ficar repetitivo demais! [SPOILER/] O cara passa mais tempo tentando superar a Robin do que o plot segue em frente [\SPOILER]. Barney parece que foi escrito para ser um repertório de catch phrases, o que me parece uma maneira muito barata de fazer um seriado/filme/etc ser lembrado. Existe um desenvolvimento de personagem muito legal ao longo da série, pelo que eu sei, mas isso não me salva o seriado. Acho que se ele tivesse 3 temporadas, no máximo 4, ele seria estupidamente melhor, porque fica numa enrolação de prolongar, então muito coisa foi estendida desnecessariamente… Além disso, eles ficam mostrando o futuro… é algo legal, mas, para mim, estragou muita coisa: as brigas do Marshall e da Lilly parecem desnecessário porque já sabemos que eles ficam juntos no final, o relacionamento do Ted e da Robin é desnecessariamente visto porque já sabemos que ele não casa com ela. É um seriado sobre uma jornada, de como cada personagem vai superar os problemas e se tornar alguém melhor, mas deviam ter sido mais concisos ao fazer isso… Dinheiro manda, no fim das contas.
    Tem muita coisa que eu entendo e não gosto, mas também não desqualifico. Essa coisa de “Você não entendeu 2001, por isso que não gostou” é a mesma coisa do “Donny Darko” que eles falaram no cast.
    Desculpa o desabafo ae, galera. Excelente cast.
    Fica uma sugestão de cast: comportamento humano, as manias das pessoas, como a mania de falar que “x estilo de música não é música” só porque ela não gosta.

    • Caio

      Eu concordo com vc com o lance do Megadeth, mas como vc mesmo disse, desde quando eles são o gosto da maioria? Acho que esse comentário era bem mais válido no episodio de fanboys.

  • Oi, Galera! Radzins… Sckazinski aqui! Estava de férias, num lugar sem internet mesmo! Comentário atrasado, mas sempre presente!

    Ainda não terminei de ouvir o programa… mas o argumento do Guizaum de “Se você não gosta de futebol, não pode gostar de futebol americano” é meio furado. Não é porque os dois são esportes, que você tem que gostar de ambos. O Mesmo valeria pra “Se você detesta axé, não pode gostar de metal, afinal, ambos são músicas! (Apesar de haver controvérsias nessa parte, hahaha)!

    Abração atrasado, coisos!

  • Guizaum: Dio > Ozzy. Mas além disso Outback pra mim é McDonald de adulto.

  • Não gosto de heavy metal! Acho uma gritaria dos infernos… Sou mais ouvir Lepo Lepo!

  • Existe uma grande diferença entre Implicância de gente véia pracaraio, e isso aqui !
    foi legal bacaraio!

    Vocês falaram de Doctor who com o mesmo senso crítico
    que eu tinha em relação a série antes de me viciar !

    eu não entendia nada, Hype maldito me afastava just because!
    mas vale a pena, os roteiros são criativos, os personagens são bem carismáticos, é aquela parada que você assiste por diversão, não sei nem se da pra chamar de série, ta mais pra religião LOL !

    mas enfim !
    e eu acho que o fdp que coloca maçã e passas nas comidas merece se foder muito nessa vida, pqp!
    rachei com a falsa impressão da maldita maçã ser uma batata 🙂

  • Eduardo Saavedra

    Pergunte ao Oliver Perez também pode ser perguntada por aqui? Se sim:
    Como gente grande/gorda/forte pode ter voz fina? É um absurdo. O cara tem 3 metros de altura e fala com voz de que chupou hélio, porra.

  • Nossa, quase vinte dias depois eu venho comentar aqui…

  • Filipe MacLeod

    Dr Who, a série que todo mundo fala que é bom mas as poucas coisas que vi, me fizeram ter pavor dessa série… ah mas o reteiro é genial, desculpa, aquelas tosqueiras mal feitas me impedem de ficar mais de 5 minutos assistindo…

  • Vitor Urubatan

    Skyrin, eu reconheço que é jogo enorme com uma série de coisas para fazer.
    Mas me dá nervoso ver um jogo tão “imersivo” (Pelo menos naquela época), e ter a animação dos personagens tão mal feita.
    Eu nem ligo tanto para os gráficos, mas um estúdio tão bem conceituado que a Bethesda não deveria “errar” dessas forma. Toda a experiência de explorar um mundo gigante é interrompida com um personagem que corre parecendo estar de fraldão.