Um site que não é lá.

 

A fita “doirada” era um sinônimo de algo mais que especial, era uma edição de colecionador, e é isso que temos aqui! Algo não visto em muitos podcasts de gamers, uma garota, extras, GameTalk e trilha sonora de cair o queixo, mas vamos aos participantes.
Nesta segunda edição, redefinimos as classes de nossa party, convocamos uma Priest para nos ajudar, e o retorno triunfal de Miopia  traz as notícias da semana de 23 a 31 de “outrubo”. Chegando ao final do cast, Kodoji chega e traz seu bom humor para todos nós. Lembrando do GameTalk com o tema Mídia Física vs Mídia Virtual. Escute, comente e mande emails, ou então nada de libertar a princesa. Escute até o final e ouça o extras de games!

Comentado no cast:

Vídeo da Semana:
Wind Waker Band

Imagem da Semana:
Hyper Beam

Momento Sofá Pixelado:
Cosplay Final Fantasy XIII

Pra Seguir no Twitter:

Almofadas do Tetris

Caverna e Ponto

Tema do GameTalk da semana que vem:
Em quem você confia para escolher os jogos? Amigos, sites, blogs, podcasts, fóruns…

Lembrando, sugestões, imagens da semana, recados de voz, pedidos de abraços, dúvidas, recados, reclamações, elogios na nossa caixa postal: nerdrops.games@gmail.com


  • @brunnoelias

    Download!!!

  • LeonardoNerd

    Ouvindo cast agora, tá muito bom.

  • Pedro

    Ouvindo o cast, mas já adianto que apesar de não ter comentado na primeira edição, achei excelente a criação de um nerdrops de games separado. Principalmente por que o conteúdo da parte de games tava crescendo bastante, e tinha que ficar se segurando pra caber dentro do cast principal, assim o monstro do nerdrops games pode crescer tranquilo.

    E já que é um cast sobre games, pq além do twitter, vcs tb não acrescentam onde achá-los na live e na psn no final dos posts?

    • Vivacqua

      Poxa cara, é uma boa idéia, é um detalhe que nunca lembramos…

  • Realmente, qual o problema do Kodoji com o tamanho?

    • o kodoji gosta de coisas grossas e grandes … deixa ele ….

      ate pq ele tem o pau pequenO!

      • Kodoji

        Quando você vem aqui em casa você diz que é grande e nunca experimentou outro igual, né seu cretino?

  • Felipe “Bonifacts” Bonifácio

    Ae! O bloco de games está maior que o Nerdrops! Já é um cast a parte e ficou legal assim! XD
    Quanto a entrada de estrogênio na party eu apoio totalmente! Ainda mais sendo a Ira, com certeza ela irá adicionar muito ao cast!
    Parabéns amigos! o/

  • Sensacional o cast! Trilha do Super Metroid avassaladora! (uma vez, acho que foi o Diego do Nowloading que disse que se você deixar o jogo no Mute, acaba toda a tensão e dificuldade, ou seja: Trilha foda!!!!)

    Game Talk, primeiramente obrigado por colocarem meu áudio, a discussão foi muito boa tanto para a defesa da mídia física, quanto da digital!

    Prefiro a mídia física, mas não sou xiita, vamos lá:
    – GOG: Como o Duke Nukem 3D está bloqueado para nossa região, a única alternativa foi baixar neste site. Que apesar de um susto que eles nos deram (tirar o site do ar como se tivesse fechado), não possui DRM, além do jogo temos extras digitais, como: manual em PDF, wallpapers, ringtones, avatar e artworks, algo que eu não esperava. E além disso, o fórum deles dá um ótimo suporte! Nota 10!

    – Steam: Dispensa apresentações, peguei Portal de graça, comprei KOTOR por US$ 2.50 (menos de R$ 5,00). E até mesmo na época de jogos em Disco, ao digitar a key no Steam o Serviço permite você baixar o jogo novamente, ou seja: mesmo perdendo o disco, você pode baixar, a licença é sua, o jogo é seu!

    – Ipod Touch/Iphone/Apple Store: Tenho um Ipod Touch 2G e apesar de não curtir tanto jogar nele, temos muitos jogos gratuitos para esta plataforma e por ótimos preços, mas tem que ficar esperto pois alguns jogos não casam bem com a tela touch. O grande destaque vai para o jogo Grokion:
    http://www.youtube.com/watch?v=OLr8Ftf5qi0
    O jogo é uma mistura de Megaman com Metroid custa só US$ 0.99 e quando sairem os próximos episódios, você poderá baixá-los de graça! Outros jogos bons são Doodle Jump, Plants Vs Zombies e Finger Physics.
    PS: o que fode na APP Store é que na loja Brasileira não tem nada, não me aceitam na loja americana e tenho que comprar com uma conta da Argentina!!!

    Agora vamos aos pontos negativos da Distribuição Digital:

    – BLOQUEIO por Região: Comprei o Duke Nukem 3D no GOG, porque eu não consegui comprá-lo na XBLA. Motivo: bloqueio de Região! Tenho uma Edição de Colecionador de CoD MW2, caixa de metal, artbook lindo (tudo palpável) e mais um cartão com código para baixar CoD Classic… não baixei! Motivo? Bloqueio de Região mais uma vez! Se o jogo viesse num disco eu não teria ficado chupando o dedo! Também ouvi dizer que muitos Serviços famosos de Distribuição Digital estão com alguns jogos bloqueados para nossa região. E aí como fica? Enquanto conseguirmos importar, temos uma alternativa com os jogos físicos, mas num futuro só de mídia digital, será que não ficaremos reféns dos bloqueios?

    – JOGOS USADOS / EMPRÉSTIMO DE JOGOS: As empresas NÃO GOSTAM disso! Muitas delas consideram o ato de comprar jogos usados no mesmo nível da pirataria! Um absurdo! Com jogos digitais isso ainda não está muito bem resolvido. Parece que no Steam existe alguma coisa nesse rumo, mas não conheço. E ouvi rumores que a Gamestop estaria preparada para quando a mídia física acabasse, intermediar negociações de licenças de jogos digitais “usados”.

    – Retrogamer / Saudosistas e afins:
    Tenho meu SNES até hoje funcionando e com uma pilha de jogos. Há um tempo atrás resolvi voltar a jogar Castlevania Dracula X, já tinha zerado o jogo, mas não tinha feito todos os finais e explorado todos os caminhos alternativos. “Detonei o jogo”, me diverti muito e até fiz uma Análise dele:
    http://meiobit.com/36761/an-lise-castlevania-drac
    … Isso 14 ANOS depois de ter comprado o jogo! Será que daqui a 14 anos, ainda poderei jogar um jogo que comprei no Steam ou outro Serviço de Distribuição Digital?

    Um grande abraço, desculpem o texto XICANTE, mas tenho muito interesse no assunto e para aprofundar, mas alguns links sobre o tema:

    http://br.video.yahoo.com/watch/7435305/19462477

    http://meiobit.com/66190/edicao-de-colecionador-p

  • raphs13

    Po, vocês podiam liberar a tracklist ae pra nós né 😀

  • Artaud

    Muito bom o Cast dessa semana e gostei muito da adição de uma membra mulher do sexo feminino. Depois mando um e-mail.

  • KODOJIII KODOOOJI iuhaihuiahuihauihiuahuihaihiuahi muito bom mano… ps.: aeeee ira! =)

  • Mougevit

    Tenho 9 cartuchos SNES, 3 jogos em DVD para PC e 41 jogos de distribuição digital.
    A Steam me ensinou a comprar um jogo.
    Como faço para saber o usuário no Steam da equipe ?

    • Vivacqua

      No post da semana que vem vamos colocar!

      O meu é Vivacqua

  • Guto

    Muito bom!
    Miopia defendendo midia virtual e coleciona HQ. LOL
    Banam esse parvo do cast, sim?
    Ficou muito boa a edição! terminando de ouvir aqui, mas continuem com o padrão!

    Mídia física rula! E virtual também!
    Kodoji, jogos são especiais. 🙂

    • Kodoji

      Cara, depende do gosto de cada um. Pra mim jogos são terciários, existem outras coisas pra mim que têm maior valor.

      E “banam esse parvo do cast”? Menos né gente.

  • Nak

    Se quiserem pular pro resumo, só ir pro final =D

    Mídia física não é pra mostrar pra amigos, mas pra se divertir COM eles…
    eu vejo a mídia virtual como mais acessível e corrente. pra você comprar, jogar e ok.
    a mídia física fica nesse quesito de ou colecionador, algo que você pode mostrar pros seus filhos depois, algo que você pode deixar numa estante na sua casa, olhar pra trás e trazer boas lembranças.. ou coisas que você já pensa em comprar pra se divertir com galera (vai dizer que vocês não jogam mais jogos de tabuleiro? sabem como é gostoso reunir).

    resumindo:
    mídia virtual é curtir no presente e para contatos virtuais, mídia física é pra curtir sempre e com contatos pessoais…

  • Mustangross

    A história do Kinect me lembra muito a conversa da época do Wii.
    A tendência é vender bem assim como foi o Wii isso ocorre muito pelo fator novidade. Adultos e crianças, quem não vai querer o VIDEO GAME sem CONTROLE, nossa até minha mãe falou comigo,” Esse c vai comprar? Parace legal hein…”.

    By the way Vivacqua… Audiosurf muito bom e você não é caixista Xtreme pelo menos não pelos comentários, como eu disse na vez passada o XBOX tem bons atrativos que valem a compra, não para mim…:D

    Muito Bom cast e o papo, a questão da mídia eu comparo talvez erroniamente ou imaturamente como uma coleção de filmes, em particular eu gosto de ter minha coleção aqui em casa e não me agrada ter filmes apenas no HD do PS3 por exemplo, e se eu quiser ver na casa de um amigo vou levar o console comigo ou o HD.

    Isto acaba envolvendo aquela questão que Vivacqua falou se eu pretendo emprestar ou até dar o jogo como faço isso com uma mídia virtual.

    Futuramente a tendência é essa (mídia virtual global) para as próximas gerações, onde as pessoas não cresceram com um apego maior aos bens materiais físicos.

    Não sei vocês mas dá um sensação diferente quando você compra um jogo (físico) um livro um DVD.
    Eu tenho muitos jogos no Steam e quando eu compro um novo na promação não tem aquele feeling… enfim pode ser só maluquice minha mesmo…

    Adorei o papo, os ouço na semana que vem

    Hugs

  • Nak

    “Mamãe! Papai! Eu quero um Apple! Eu quero um Apple”

    “Cala a boca muleque, fica com isso aqui: http://www.ubergizmo.com/photos/2009/9/apple-phon… ”

    xD

  • Ae galera. Eu não conhecia o Minecraft, comecei a jogar ele enquanto ouvi o nerdrops e é uma ideia interessante, que muita gente pode estar puto da vida por não ter tido a mesma ideia já que ela usa uma das engines mais básicas hoje em dia que é a de FPS.

    Vocês falam ai que se não existisse emuladores, mesmo assim não iriam atrás dos clássicos, eu com certeza iria. Mesmo a gente jogando de tudo, as vezes você teve um Snes e não jogou megadrive ou vice-versa, isto é, tem jogo bom no passado que a gente pode passa batido e depois jogar nessas coletâneas, mas mesmo jogos que já joguei, eu iria quer jogar de novo para relembrar, sou muito saudosista, mas parece que jogos antigos é um mercado de nicho, pouca gente fica animado com isso, vide exemplo dos recentes Megaman’s 8 bits que dividiram opiniões. Ainda tem os jogos clássicos que podem receber um melhor acabamento, mesmo não sendo um remake, como o Shin Megami Tensei: Persona do Psp, que é o mesmo jogo do playstation 1, mas com cenas anime, algo parecido com o que foi feito com o Chrono Trigger no Psx.

    Esse negócio de querer proibir jogos usados é uma verdadeira sacanagem. Em países de terceiro mundo como o nosso, as vezes o único jeito de impedir a pirataria é com o mercado de jogos usados e mesmo quem faz trocas de jogos, ainda compra jogo para depois trocar ou para ficar na coleção. Proibir jogos usados é a mesma coisa de falar para o pessoal piratear a vontade, porque ninguém vai aceitar comprar um jogo ORIGINAL usado e não poder jogar ou jogar com limitações. Isso ai é querer lucrar acima de tudo e não ver a situação do cliente, pois eles podem fazer o que quiserem, mas o cliente também tem o direito de não aceitar.

    Sobre a integrante Ira, eu não sei se é porque o pessoal estava com um papo pesado, mas ela não falou muito. Dá próxima, fale mais para os ouvintes porém opinar melhor se ela fica ou sai…

    Bom, é isso e até mais.

    • Mais uma coisa:

      “Em quem você confia para escolher os jogos?”

      Em alguns sites, mas cegamente eu não confio em ninguém, porque ninguém tem exatamente o mesmo gosto do que eu. Ainda gravo o nome dos colunistas, se por exemplo, o cara não gosta de tal estilo de jogo, eu não confio nele para falar sobre aquele determinado jogo, porque ele vai falar mal do estilo e não do jogo em si.

      Muita gente por ai quer falar de games, mas a maioria realmente sabe do que está falando, mas tem alguns que acham que sabem ou os sites deles falam de outras coisas e eles resolvem colocar uma sessão de games sem colocar gente que sabe do assunto, o que geralmente resulta e analises sempre favoráveis quando o jogo é aquele negocio totalmente genérico (já que o cara não joga videogame para saber o que já deu no saco e o que é original) e analises desfavoráveis quando o jogo é algo original, por isso o cara não tem paciência de aprender como jogar aquele jogo e todo jogo que é muito original, não tem tudo acertado ainda, diferente de jogos FPS, por exemplo, que começaram a muito tempo e a mecânica deles evolui o tempo inteiro.

      Eu geralmente visito o Now Loading e a opinião do Majin a maioria das vezes é parecida com a minha (exceto com relação a ele querer demais que as coisas façam logicas em ambientes que não exigem isso, como no caso de Kingdom Hearts) e dos outros integrantes, mas principalmente do Majin. No Super controle eu confio na opinião de quase todos, exceto o Frajola que parece que adora uns jogos que eu odeio (nada contra ele, todo mundo tem o direito de gostar do que quiser) e na Uol Jogos eu realmente gosto da opinião de todos os colunistas. Não posso falar muita coisa aqui do Nerdrops, porque ainda não conheço vocês totalmente, mas pelo menos eu gosto das opiniões do Vivacqua. Tem outros blogs que visito, mas esporadicamente.

  • Fabiano Loureiro

    ORRRAAAA, eu aqui na encolha sem saber que ja tinha lançado 2 programas separados?
    puxa, to baixando agora pra ouvir, queria saber se vai rolar participação dos ouvintes de novo. se for rolar vc ja sabe meu skype!!!

  • Olá, mandei este comentário por e-mail, mas parece que ele não chegou aí. Um angry bird deve ter matado meu pombo correio 🙂

    Olá,

    Acho que meu comentário vai ficar gigante mas quem manda fazer um podcast de quase 90 minutos cheio de conteúdo?

    Este é o primeiro Nerdrops Games que escuto, cheguei aqui pois sigo a Ira Croft, que conheço do Caverna ePonto, no Twitter. Minha primeira impressão foi de que o trabalho de vocês está excepcional, principalmente para quem ainda está no segundo episódio. Com certeza virei ouvinte.

    Sobre o cast, várias alternativas para tornar o download digital mais próximo da experiência com a mídia física já estão sendo feitos. Quem compra Dragon Age 2 em pré-venda até janeiro vai ganhar diversos itens que podem ser baixados, inclusive algumas DLCs que ainda não foram sequer anunciadas. Sobre o empréstimo, as empresas não querem ninguém emprestando nada, afinal um empréstimo significa uma venda a menos. Coloque-se no lugar deles. Engraçado que no mundo dos livros digitais isso está mudando. O e-reader Nook permite que você empreste seus livros por um tempos pré-determinado pelo usuário a outra pessoa que possuir um leitor digital. O Kindle, da Amazon, terá em breve a mesma funcionalidade.

    Eu já fui do mesmo partido da Ira e queria ter a mídia física na minha mão, mas com o tempo mudei esta visão. Atualmente tenho uma coleção de filmes que passa dos 300 títulos e isso ocupa um espaço enorme na minha casa. Quando me mudei para o apartamento onde moro atualmente, o transporte dos DVDs deu um trabalho imenso. Queria muito ter um serviço como a Steam para filmes, podendo ter a propriedade dos meus filmes, mas que eles ficassem lá na nuvem.

    Para quem acha que não é possível mostrar sua coleção de games para os outros, saiba que basta mandar um link da sua conta na Steam que todo mundo poderá admirar sua bela coleção (esta é a minha: http://steamcommunity.com/id/pipocadebits/games/?…. Sobre a política de preços eu já escrevi sobre isso no meu blog (http://www.pipocadebits.com/2010/10/politica-de-precos-baixos-e-assim-que.html), mas sobre o fato dos digitais cobrarem o mesmo preço nos lançamentos mesmo não gastando com logística, eu acredito que isso seja para evitar a concorrência desleal com empresas que vendem mídias físicas.

    Para finalizar eu acho que mesmo que a Steam chegue a falir isso não será um problema, pois lá nos EUA as empresas são controladas por um órgão chamado FTC (Federal Trade Commission) e ele garantiria que as pessoas não sairiam de mãos vazias. Com certeza eles mandariam a Steam achar uma alternativa como permitir que a pessoas baixassem e fizessem backups de todos os seus jogos antes do serviço ser desligado.

    Um abraço a todos e o desejo de que novos casts ainda melhores venham. Sobre sua nova estagiária só tenho elogios, pode contratar de olhos fechados.

    Dmitry Rocha
    http://www.pipocadebits.com http://twitter.com/dmitryrocha